16 de dezembro de 2017

Prece à Hécate


Que teus caminhos se abram...
Sem que haja vento perverso ou medos banais.
Que teus caminhos se abram...
De dia, que encontres abrigo da luz que cega e mata. De noite, que as tochas sagradas te possam clarear.
Que teus caminhos se abram...
E não se fechem para as passagens de teu aprendizado.
Que teus caminhos se abram...
Te levando para perto de seu destino, de suas missões, bifurcando e te proporcionando as sábias decisões.
Que teus caminhos se abram...
A toda sorte, que lhe sorria. A todos dor que sejas apenas para teu crescimento.
Que teus caminhos se abram...
Te levando para si e além. E distante de todo mal, de toda amargura, de toda maldição a ti lançada... Ou por ti criada.
Que teus caminhos se abram.
Está feito.
Assim é.
Postar um comentário